terça-feira, 22 de setembro de 2009

Convidado de quarta-feira 23/09

Bem, como isto se está a aproximar do fim a alta velocidade...vai deixar saudades mas tudo o que é bom termina rápido não é verdade?

Como o Nilton diz e bem, esta será a última quarta-feira da 1ª série do "5 para a meia-noite" e como tal nada melhor que terminar com Herman José. Um homem com um vasto currículo e que todos conhecem muito bem. É de salientar o seu nome completo, Herman José von Krippahl. Nada mais original não é verdade? Mas Herman é um humorista, cantor, actor e entertainer português.Cresceu em Lisboa, sendo filho de pai alemão e mãe portuguesa. Com quatro anos de idade protagoniza os filmes do seu pai, cineasta amador. Por volta dos 18 anos de idade tem as primeiras aparições na televisão, em No Tempo Em Que Você Nasceu, integrando o grupo residente In-Clave, dirigido pelo maestro Pedro Osório.
Em Outubro de 1974 estreia-se no teatro, contracenando com Ivone Silva, José de Castro, João Lagarto, entre outros no Teatro ABC. A peça, empresariada por Sérgio de Azevedo, era Uma no Cravo, Outra na Ditadura, assinada por José Carlos Ary dos Santos, César de Oliveira e Rogério Bracinha. É levado por Nicolau Breyner a estrear-se na televisão em 1975, participando na rábula Sr. Feliz e Sr. Contente. Os críticos diriam, pouco tempo depois, que Herman «metera o veterano ao bolso».

Não abandona a música e, em 1977, edita Saca o Saca-Rolhas, que alcançou o Disco de Ouro. Durante cinco anos percorre o país em espectáculos de província onde debita anedotas, canta, inventa personagens e improvisa. Em 1980 A Canção do Beijinho é novamente Galardão de Ouro. Nesse mesmo ano a criação do personagem Tony Silva («O "creador" de toda musica Ró» latino-romântico de brilhantina e lantejoulas que retratava a sociedade nas suas canções) conquista o grande público n' O Passeio dos Alegres, emitido nas tardes de Domingo, na RTP, com Júlio Isidro.
Em 1983, ano da sua participação no Festival da Canção com o tema A Cor do Teu Baton, O Tal Canal, permite a unanimização à volta do seu humor, numa dos seus mais profícuos trabalhos.

Só regressa à televisão em 1990, com Casino Royal, uma mistura de noite de teatro com programa de variedades. Ainda no início da década de 1990 entrega-se à apresentação de concursos como Com a Verdade M' Enganas e A Roda da Sorte, para, logo de seguida, apresentar Parabéns (1993), onde inaugura um espaço talk-show.
Em 1996 deixa o Parabéns, após a censura da rúbrica Última Ceia que juntou cem mil assinaturas num abaixo-assinado a reclamar a proibição daquela rábula. Regressa com Herman Enciclopédia (1997), com duas séries de sucesso, de onde saem figuras o provedor Diácono Remédios ou Melga e Mike das televendas.

Em 2000 muda-se para a SIC, apresentando aos Domingos, o talk-show HermanSIC, mantendo, contudo uma equipa de actores, constituída por Maria Rueff, Joaquim Monchique, Ana Bola, Maria Vieira, Manuel Marques, Vítor de Sousa e, durante algum tempo, Nuno Lopes.

Em 2007 estreia Hora H, à semelhança de outros programas do actor estava dividido em sketchs humorísticos.

Em Maio de 2008 o apresentador lançou o Chamar a Música em Portugal e em Setembro desse mesmo ano volta a apresentar o concurso Roda da Sorte na SIC.

Em Julho de 2009 inicio ou programa Nasci P'ra Cantar na TVI mas em Setembro deste mesmo ano o seu contrato com a TVI termina. Também em julho de 2009 lançou o álbum "Adeus, vou ali já venho", com músicas inéditas.

5 comentários:

  1. com o veterano Herman... o programa de hoje será do melhor XD
    Herman e Nilton juntos... combinação ideal!

    ResponderEliminar
  2. uiiiiiiiiiiiii... hoje bai ser vomvástico:)))))))))))))

    ResponderEliminar
  3. Tal como esperava.... um Brutal programa... Tanto apresentador como convidado estiram á altura de um grande talk-show mundial.... Mt bom mesmo... Conseguiram os 2 mostrar a sua enorme versatilidade
    ... É caso pra dizer... EU AMO VOCÊ!!! :::Herman

    ResponderEliminar
  4. http://www.myspace.com/raivapunk

    Banda Punk-Rock madeirense, para aqueles que sofrem do BICHO DA MADEIRA, e que pensam que malta que por lá anda, é muito estúpida em ter um filho da p... de um Ditador.
    Só para contrariar que nem todos pensam da mesma forma; esta é a minha sugestão para o tema ANARQUIZAR desta semana.

    ResponderEliminar

Bem vindo ao 'Para Lá das 5', o blog dos fãs do '5 Para a Meia Noite' para os fãs ( e não só ;D)